Oferecer uma lembrancinha aos convidados é uma forma delicada de agradecer a presença dos parentes e amigos em um momento tão especial. É um gesto carinhoso, onde o casal partilha a sua alegria.

As opções são muitas. Doces, chocolates, sachês, enfeites. O ideal é que o modelo escolhido combine com a festa e principalmente com o casal. A lembrancinha é uma forte aliada para compor o visual da festa.

Atualmente as lembrancinhas ecológicas estão em alta,  sementes ou mudas de plantas que possam ser plantadas pelos convidados em casa ou já venham em um vasinho com terra, super fofo e  cheio de significado, afinal seus convidados se lembrarão sempre do dia do seu casamento enquanto olharem
a plantinha crescer.

Mas existe as lembrancinhas que nunca saem de moda, são as amêndoas e os bem casados. A tradição das amêndoas surgiu na Itália e em Portugal, onde os familiares e amigos comem amêndoas para trazer sorte aos noivos. Os bem casados, doces feitos com bolos unidos com recheio de doce de leite, agradam os convidados pelo paladar e como o nome diz, dão ideia de uma doce união.

É necessário planejar a forma com que as lembrancinhas serão distribuídas. Você pode optar por deixar  enfeitando uma das mesas; distribuí-las sobre as mesas dos convidados; podem também ser entregues no final da festa, tanto nas mesas, quanto no momento que os convidados forem se despedir. Se não houver recepção, a lembrancinha deve ser entregue na porta da igreja por pessoas próximas do casal.

É preciso ter muita atenção na hora de calcular a quantidade. Confira a lista de convidados e faça algumas a mais, para atender os que resolvem pedir mais uma e evitar que alguém fique sem.

Outro fator importante e encomendá-las com antecedência no mínimo 90 dias, para que os noivos possam escolher o modelo mais adequado e que seja feita uma prova, para evitar decepções.

Se os noivos preferirem, a lembrancinha pode ser entregue apenas aos padrinhos, irmãos e avós.

Consultoria
Equipe Site da Noiva