Chuva de arroz para saudar Gisele e Alysson

A saída dos noivos da cerimônia é um momento muito especial, já que são os primeiros passos de ambos oficialmente casados. Apesar da tradição dizer que o arroz trará prosperidade ao casal, muitas igrejas não permitem mais que os convidados joguem o alimento nos noivos. Os motivos vão desde o risco de escorregões, até a sujeira que causa e a questão politicamente correta do ato.

Mas não se desespere. Você tem outras opções para substituir a tradicional chuva de arroz, marcando esse momento e dando glamour e beleza às imagens.

Sucesso há algum tempo em casamentos de outros países, muitos casais brasileiros tem optado pelo brilho dos sparklers, as velas magnesianas que produzem estrelinhas de faíscas, já popularizadas por aqui nos bolos de aniversários.

Sparklers na saída do casal Fernanda e Leandro da Igreja - Foto: Meliess Fotografia  Chuva de quê? chuva de que chuveirinho
Sparklers na saída do casal Fernanda e Leandro da Igreja – Foto: Meliess Fotografia
O efeito dos sparklers nas imagens é belíssimo - (Fotos: Pinterest)  Chuva de quê? chuva de que sparklers
O efeito dos sparklers nas imagens é belíssimo – (Fotos: Pinterest)

É claro que para serem usados com essa finalidade, os palitos precisam ser mais longos (os disponíveis no mercado para uso em casamentos tem cerca de 25cm), e, já que usam fogo, devem ficar longe das crianças, apesar de os riscos de queimaduras serem baixos. É importante também que os convidados que irão manusear o objeto sejam bem orientados.

Algumas marcas de sparklers podem produzir muita fumaça, por isso a dica é pedir para fazer um teste, caso consiga fazer a compra pessoalmente. Se for comprar on line, é bom pesquisar bastante na internet sobre o produto a ser adquirido. Mesmo assim, o uso em lugares internos deve ser evitado já que todo material de combustão vai produzir fumaça, mesmo que seja mínima. Outra dica importante, verifique sempre se no local da cerimônia ou da recepção há restrições para o uso desses efeitos visuais.

É mais fácil de encontrar as velas magnesianas em tamanhos adequados para a saída dos noivos no exterior, mas lembre-se: é proibido despachar na bagagem objetos inflamáveis e substâncias reativas. Então, cuidado ao pedir para alguém trazer na mala. A alfandega pode barrar a entrada do material no país.

O efeito dos sparklers fica muito bonito nas cerimônias noturnas. Quem for casar durante o dia e não quiser a chuva de arroz pode escolher entre as bolhas de sabão, que conferem um efeito lúdico e funcionam melhor com a luz natural, apesar de ficarem lindas também à noite.

Chuva de papel picado no casamento de Bruna e Leonardo - Foto: Michel e Marlise   Chuva de quê? Chuva de que papel bruna e leonardo
Chuva de papel picado no casamento de Bruna e Leonardo – Foto: Michel e Marlise

Outra opção pode ser o papel picado. Existem empresas que fazem o material personalizado com corações e outros motivos. A chuva de pétalas de flores ou bolhas de sabão também podem ser uma escolha. Elas garantem romantismo ao momento e um ótimo efeito nas fotos, além do mais, tanto o papel picado quanto as flores e bolhas podem ser usados em cerimônias a qualquer hora.

Chuva de pétalas de flores no casamento de Karine e Edson - Foto: Espelho Di Papel  Chuva de quê? chuva de que petalas
Chuva de pétalas de flores no casamento de Karine e Edson – Foto: Espelho Di Papel 
Bolhas de sabão na saída do casal de Camila e Danilo - Foto: Anderson Netto  Chuva de quê? chuva de que Bolhas Camila Danillo
Bolhas de sabão na saída do casal de Camila e Danilo – Foto: Anderson Netto

 

Consultoria:
Texto: Paula Brukmüller
Fonte: Anna Cerimonial e Planejamento
annacerimonial.wordpress.com